menu
X
X
X
DVD Amor Geral (A)LIVE
2020
1  AMOR GERAL (CD AMOR GERAL)
2  OUTRO SIM (CD AMOR GERAL)
3  EU VOU TORCER (CD NA PAZ)
5  VOCE PRA MIM (CD SLA RADICAL DANCE DISCO CLUB)
6  BIDOLIBIDO (CD NA PAZ)
7  VENENO DA LATA (CD DA LATA)
Compact Audio Player Error! You must enter the mp3 file URL via the "fileurl" parameter in this shortcode. Please check the documentation and correct the mistake.
8  GAROTA SANGUE BOM (CD DA LATA)
9  MEDLEY SLA 1 (CD SLA RADICAL DANCE DISCO CLUB)
Compact Audio Player Error! You must enter the mp3 file URL via the "fileurl" parameter in this shortcode. Please check the documentation and correct the mistake.
10  DELICIOSAMENTE (CD AMOR GERAL)
11  KÁTIA FLÁVIA, A GODIVA DO IRAJÁ (CD RAIO X)
12  BAILE DA PESADA (CD ENTIDADE URBANA)
13  DOUBLE LOVE AMOR EM DOSE DUPLA (CD AMOR GERAL)
14  TAMBOR (CD AMOR GERAL)
15  RIO 40 GRAUS (CD SLA 2- BE SAMPLE)
16  APRESENTAÇÃO DA BANDA
AMOR GERAL (CD AMOR GERAL)
Fernanda Abreu / Fausto Fawcett / Pedro Bernardes

Hei você!
Não fica assim!
A gente briga mas se ama
Tenta entender o quanto de ódio esconde o amor
E o quanto de amor tá implícito no ódio
A gente briga mas se ama porque somos condenados a amar
Porque somos frágeis criaturas movidas por carências irracionais e impulsos sexuais
Impulsos de vida
Impulsos de morte
E sabendo que vamos morrer sentimos fome de viver
Não é essa a função do amor?
É não deixar esmorecer essa fome de viver De sobreviver em meio a pancadaria da infelicidade à granel
Da perdição mental, da paranóica tensão social
No meio dessa briga boa e eterna
Entre o Bem e o Mal
Toneladas de “I love you” desabam a todo instante nesse mundo
Toneladas de “Eu te odeio” desabam a todo instante nesse mundo
Toneladas de “Eu preciso de você” desabam a todo instante nesse mundo Toneladas de “ta tudo acabado entre nós” mais desabam a todo instante nesse mundo
Mas o que importa é parar numa esquina e perceber
O gigantesco coração do planeta batendo
Ouçam!
O coração do mundo batendo
Gigante coração, gigante coração
Do amor geral

OUTRO SIM (CD AMOR GERAL)
Fernanda Abreu / Gabriel Moura / Jovi Joviniano

Outrora, outra vez, outro lar
Outro lugar, outra mulher, outro homem
O trem vai pra uma outra estação
Um outro inverno e lá vem outro verão
Ao outro tanto a ti quanto a mim
Um outro bem, um outro amor, outrossim
Não é facil aceitar alguém
E ser aceito pelo outro também
Sempre haverá outra esquina
Outra beleza, outro cara, outra mina
Sempre haverá um mané, sem noçao, um otário
Querendo atrasar
Sempre haverá outro dia
Ensolarado e outra noite vadia
Sempre haverá outra chance
Outra mão ao alcance querendo ajudar
Outra favela, novela
Outro barraco, buraco
Outra cachaça, manguaça em outro bar
Outro marido traído
Outra esposa ansiosa
Outra amante excitante querendo dar
Outra cabeça, sentença
Outro recanto, encanto
Outra viagem, vertigem em outro mar
Outro sentido ou saída
Outra maneira ou medida
De dar a volta por cima, querendo dá

EU VOU TORCER (CD NA PAZ)
Jorge Benjor

Eu vou torcer pela paz
Pela alegria, pelo amor
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou

Pelo inverno
Pelo sorriso
Pela primavera
Pela namorada
Pelo verão
Pelo céu azul
Pelo outono
Pela dignidade
Pelo verde lindo desse mar
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou

Eu vou torcer …

Pelas coisas uteis
Que voce pode se comprar com 10 reais
Pelo bem estar
Pela compreensão
Pela agricultura celeste
Pelo meu irmão
Pelo jardim da cidade
Pela sugestão
Pelo amigo que sofre do coração
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou
Pelas coisas bonitas
Eu vou torcer, eu vou

Om shanti, shanti shanti
Hari om

Eu vou torcer pela paz
Pelo amor, pela alegria, pelo sorriso
Eu vou torcer pela amizade, pelo ceu azul, pela dignidade
Eu vou torcer pela tolerancia, pela natureza, pelos meninos, pelas meninas
Por mim, por voce
Eu vou torcer

VOCE PRA MIM (CD SLA RADICAL DANCE DISCO CLUB)
Fernanda Abreu

É incrível a nossa história
Sem nenhuma prova concreta
Só palavras, que voam com o vento
Imagens que eu guardo na memória

Um segredo inviolável
De uma paixão inflamável
Mas que nunca incendeia
Nem em noite de lua cheia

Às vezes passo dias inteiros
Imaginando e pensando em você
E eu fico com tantas saudades
Que até parece que eu posso morrer

Pode acreditar em mim
Você me olha, eu digo sim
Mas eu nem sei se sofro assim
O que eu quero é você pra mim

BIDOLIBIDO (CD NA PAZ)
Fernanda Abreu / Jovi Joviniano / Rodrigo Campello
Citação: “De noite na Cama” - Caetano Veloso

Bidolibido
libido, libido
só quero contigo
só fica comigo
te falo no ouvido
um lugar escondido
te faço um pedido
um segredo,um abrigo

Bidolibido
libido libido
eu sempre te digo
me pede que eu fico
me lança um feitiço
me mostra o caminho
que eu saio correndo perigo

Bidolibido
libido libido
eu vivo no estilo
de um filme do tipo
“cinema bandido”
no morro, no risco
na mira do tiro
no alvo do missil

Bidolibido
Libido, libido
voce é meu vicio
num dia dificil
só conto com isso
no hall do edificio
I miss you

Braço nos braços,
me abraça, me amassa,
me enlaça, me deixa
de quatro no ato,
me faça de gato e sapato,
amarra meus nervos de aço
num maço, num saco,
num frasco, num lapso
naquele abraço

Quando te vejo
seu beijo, desejo
só quero sossego
Só quero seu amor

Quando me vejo
no seu corpo inteiro
em abril, fevereiro
Só quero seu calor

Bidolibido
Libido, libido
Só quero contigo
Só fica comigo
Me pede que eu fico
Me mostra o caminho
Que eu saio correndo perigo

Bidolibido
Libido, libido
Eu sempre te digo
Voce é meu vicio
No morro, no risco
Na mira do tiro
No alvo do missil
Y miss you

Liga, me liga
me explica, me ensina
que o mapa da mina
tá no dia a dia
no verso, na rima
na dor, na alegria
no sol da avenida
se liga na minha
vê se não vacila
que eu sou sua menina

Quando te vejo
seu beijo, desejo
só quero sossego
Só quero seu amor

Quando me vejo
no seu corpo inteiro
Abril, fevereiro
Só quero seu calor

De noite na cama eu fico pensando
Se voce me ama e quando
Se voce me ama eu fico pensando
De noite na cama e quando…

VENENO DA LATA (CD DA LATA)
Fernanda Abreu / Will Mowat

Rio de Janeiro
Cidade maravilhosa
A lata
No fundo da madrugada
No silêncio na calada
De repente foi chutada
Na batida
Começou e batucada
Bate bate bate na lata
É lata da bateria

Mil novecentos e noventa e cinco
Sete e meia da manhã
Tá na hora de descer pra trabalhar
Tá na hora de descer pra ter
O que ganhar

Mil novecentos e noventa e cinco
Dez e vinte eu vou pra lá
(tá marcado pra chegar)
Ouviu dizer, ouviu falar
Não sabe bem, deixa pra lá
Dez e vinte eu vou chegar
Pra ver o que há

Suingue-balanço-funk
É o novo som na praça
Batuque-samba-funk
É veneno da lata (vamo bate lata)

Meio dia e quinze, eu nem acordei
Já vou ter que almoçar
(tá marcado pra chegar)
Não escuto o que eles dizem
Não escuto o que eles falam

Não falo igual não digo amém
Tem que falar com o Jê
Temque falar com o Zé
É batumaré

Seis e meia tô parado
Pôr-do-sol abotoado
Na lagoa, no aterro
Tô parado
Voluntários, São Clemente
Tô parado
No rebouças, túnel, velho
Tô parado pra ver

Swing-balanço-funk
É o novo som na praça
Batuque-samba-funk
É veneno da lata (vamo batê lata)

Depois mais tarde, já de noite
Tudo em cima, já no clima
Vou correndo te encontrar
(tá marcado pra chegar)
Vou te buscar, vou te pegar
Vou te apanhar pra te mostrar
Pra ver o que há
Pra ver o que há

É só subir sem se cansar
Depois descer pra trabalhar
Sete e meia, meio dia
Seis e meia, dez e vinte
Dez e vinte eu vou chegar pra te pegar
Pra ver o que há
Pra ver o que há

Suíngue-balanço-funk
É o novo som na praça
Batuque-samba-funk
É veneno da lata (vamo batê lata)

GAROTA SANGUE BOM (CD DA LATA)
Fernanda Abreu / Fausto Fawcett

Junto com a boca
Vem a coxa debochando
No compasso do escândalo dançante
Meio samba meio funk
Vem dançante no açúcar
Da presença feminina carioca
Suburbana, carioca zona sul

Corpo que é alma
Assim sublime irresistível inspiração
De cidade maravilha cortesã
Sintetizada pelas ondas
De um corpo feminino que é
Prestígio de calibre sensual

Olha o jeitinho dela falar
Olha o jeitinho dela dançar
Olha o jeitinho dela olhar
Olha o jeitinho dela andar
Olha o jeitinho dela paquerar
Olha o jeitinho dela go-go-go

Garota carioca
Suingue sangue bom
Garota carioca
Suingue sangue bom

Dá gosto de ver a inteligência
Movendo um corpinho como esse

Luz gostosa de boate
Fervilhante pagodinho churrascante
Na noturna suburbana
Tem garota sangue bom
Garota sangue bom
No charme do suingue
Do desejo inevitável
Que é convite irrecusável
Que é o açúcar da presença
Feminina carioca
Quente paraíso do espírito excitado
Pela festa dos sentidos animados
Pelo sol
Quente paraíso do espírito excitado
Pela festa dos sentidos animados
Pelo mar

Garota carioca
Suingue sangue bom
Garota carioca
Suingue sangue bom

MEDLEY SLA 1 (CD SLA RADICAL DANCE DISCO CLUB)
Fernanda Abreu / Luiz Stein / Laufer - Fernanda Abreu - Fernanda Abreu / Leone
Músicas A Noite, Kamikazes do Amor e SLA Radical Dance Disco Club

A NOITE

A tarde cai
A noite vem atropelando
Todos os chatos desanimados
Tá na hora de acordar e sair
E ver que a vida é se divertir
A noite é negra
E os holofotes vasculham
Toda essa escuridão
À procura de um lugar ideal
Pra dançar e barbarizar
Dance
A noite é quente
A noite é fria
Uma droga de arrepiar
E não importa mais se existe razão
Não tem pecado, nem perdão
You and me
Eu quero é me divertir
Moi et toi
A noite é feita pra dançar
You and me
Moi et toi…
Dance
Se é que existe diferença entre o bem e o mal
Dance
Se é que existe diferença entre o inferno e o céu
Dance
Se é que existe diferença entre as trevas e a luz
Dance
(D-I-S-C-O – We gonna disco all night)
Relache tes fesses
Relache tes hanches
S’ll existe une
Différence entre le bien et le mal
Don’t push me
Cause I’m close
To the edge
I’m trying not to
Lose my head It’s like a jungle
Sometimes it makes
Me wonder how l deep
From going under

 

KAMIKAZES DO AMOR

Frases fulminantes
Cruzam o céu da sala
É fogo cruzado
Entre eu e você

No meio da fumaça
Meus olhos vermelhos
E tudo que eu desejo
É uma prova de amor

Somos kamikazes
Kamikazes do amor
Nos atiramos um pro outro
Sem salvação

Lá fora o sol queima
Os nossos pensamentos
Já quentes e ardentes
De tantas confissões

Mas nada me fará
Desistir de conseguir
Arrancar da sua boca
O beijo souvenir

SLA RADICAL DANCE DISCO CLUB

Hoje é uma noite como outra qualquer
E na sua casa vemos uma menina
Uma menina muito interessante
E mesmo que não pareça, sua vida é dura

Hoje é uma noite qualquer
E lá está a menina, parada e pensando
Sentindo as palavras, indo e voltando
Sua mente trabalha, trabalha sem parar

Mas ela sabe que a noite é um grande negócio
Então decide sair e caminhar pelas ruas
Seu pensamento é interrompido por um som
Vindo de um lugar não muito distante

Sla radical dance disco club
Sla radical dance club

Foi só ela entrar e se deparar
Com um ambiente requintado e cru
Um som vital, um ritmo quente
Uma grande pista multirreluzente

Ela gosta de excitar seus sentidos
De ampliar seu poder de observação
Seus olhos tentam ver tudo, e assim
Sua boca, sua mão e assim seu coração

E já não é uma noite como outra qualquer
E no centro da pista está a menina
Dançando, sorrindo e dançando
Seu corpo trabalha, trabalha sem parar

Sla radical dance disco club
Sla radical dance club

DELICIOSAMENTE (CD AMOR GERAL)
Fernanda Abreu / Jorge Ailton / Alexandre Vaz

Deliciosamente
boca, pele e mão
tudo que se quer dizer
falar ao coração
Perigosamente
entre o sim e o não
voo cego, mar aberto
nessa imensidão
Quero sentir Uh uh uh
Aquela chama Uh uh uh
Religiosamente
Cama, quarto e chão
Tudo que te der prazer
sem classificação
Demoradamente
amanhecendo em vão
universo paralelo
outra dimensão

KÁTIA FLÁVIA, A GODIVA DO IRAJÁ (CD RAIO X)
Fausto Fawcett / Laufer

Kátia Flávia
É uma louraça Belzebu
Provocante
Uma louraça Lucifer
Gostosona
Uma louraça Satanás
Gostosona e provocante
Que só usa calcinhas comestíveis e calcinhas bélicas
Dessas com armamentos bordados
Calcinha de morango
Calcinha geladinha
Calcinha de rendinha
Ex-miss Febem
Encarnação do mundo cão
Casada com um figurão contravenção
Ficou famosa por andar num cavalo branco
Pelas noites suburbanas
Toda nua, toda nua
Toda nua, toda nua
Matou o figurão
Foi pra Copacabana
Roubou uma joaninha
E pelo rádio da polícia ela manda o seu recado
Pelo rádio da polícia ela manda o seu recado
Get out, get get out!
Pelo rádio, pelo rádio, pelo rádio, pelo rádio
Pelo rádio da polícia ela manda o seu recado
Alô polícia
Eu tô usando
Um Exocet
Calcinha!
Um Exocet
Calcinha!
Meu nome é Kátia Flávia
Godiva do Irajá
Me escondi aqui em Copa
Alô, alô
Polícia
Polícia pode vir
Polícia Belford Roxo, de Duque de Caxias
Polícia Madureira, polícia Deodoro
São Cristóvão, Bonsucesso, da Benfica
Da Pavuna, da Tijuca, de Quintino, do Catete, Grajaú
Polícia do Flamengo, polícia Botafogo
Da Barra da Tijuca
Polícia, polícia, polícia
Polícia pode vir
Porque
Meu nome é Kátia Flávia
Godiva do Irajá
Me escondi aqui em Copa
Kátia Flávia
É uma louraça Belzebu
Provocante
Uma louraça Lucifer
Gostosona
Uma louraça Satanás
Gostosona e provocante
Que só usa calcinhas comestíveis e calcinhas bélicas
Louraça Belzebu
Calcinha antiaárea
Louraça Lucifer
Calcinha framboesa
Louraça Satanás
Calcinha de morango
Louraça Belzebu
Calcinha
Exocet
Alô polícia
Eu tô usando
Um Exocet
Calcinha!
Um Exocet
Calcinha!

BAILE DA PESADA (CD ENTIDADE URBANA)
Fernanda Abreu / Rodrigo Maranhão

Agora sim
O dia chegou no fim
A vontade é geral
E eu vou sair pra social

Vou de bonde, vou de trem
Carro esporte, tudo bem
No circuito, na cidade
No subúrbio, no sacode
Espero a porta abrir
Não vou grilar, só vou curtir
Um amor legal
Ver os amigos, coisa e tal
E vadiar
A condição aliviar
Quero me perder
Quero me jogar
Chame Ademir, Big Boy, Messiê Limá
É o Baile da Pesada
Que chegou pra arrebentar

Hey, Mister D.J.
Quero nitroglicerina
Quero Maria Fumaça, Black Rio, adrenalina
Hey, Mister D.J.
Quero ouvir o batidão
Quero ouvir a Furacão

No Cassino Bangú
No Vera, no Portelão
No Chapéu Mangueira
No Mourisco, Pereirão
Em Caxias, no Gramacho
Para todos na Pavuna
No Mackenzie, São Gonçalo
Tô no Melo, Cascadura
Mas se liga sangue bom
Não sou de violência
nem sou de perder a razão
É que o bicho tá pegando
É que o couro tá comendo
e ninguém traz solução

DOUBLE LOVE AMOR EM DOSE DUPLA (CD AMOR GERAL)
Fausto Fawcett / Laufer

O que não falta é encruzilhada amorosa
No meio dessa cidade nervosa
Você tá me cercando
Mas andou me esnobando
Tudo bem, a gente
Acabou namorando
Muito bem, muito bom
Mas agora tá desesperado
Só porque eu saí com outro
Com uma outra
Eu gosto tanto de você
Tenta compreender
Tenta curtir, entender
Você sabia da minha atualidade
Não havia nenhuma insanidade
Volúvel insanidade
Apenas o óbvio
Da minha intenção, do meu prazer
Amor em dose dupla
Double love double love
Reza funk
Double love double love
Tá no sangue
Double love double love
Amor em dose dupla
No meio da cidade nua
Não fica se achando
Me cercando insinuando
Perdido em egotrip
Que eu sou sua refém apaixonada
Que nada meu querido
Meu negócio é double love
Amor em dose dupla
No meio da cidade nua
A qualquer hora
Você pode estar por fora
A qualquer momento
Você pode estar por dentro
Tenta compreender
Tenta curtir, entender
Você já sabia
Da minha atualidade
E eu como princesa siamesa
Sibilando sussurrando
Palavrinhas bem francesas
Pra te magnetizar
Pra te magnetizar
Sussurrando, sibilando
Sussurrando assim
Je t’aime
Moi non plus
Déjà vu
Moi non plus
Deixa vir
Vem meu amor
Sentir o calor

TAMBOR (CD AMOR GERAL)
Fernanda Abreu / Gabriel Moura / Jovi Joviniano / Afrika Bambaataa

Tá no enredo
Tá no samba do terreiro
Na marujada
Na avenida, na congada
Tá na ciranda
Na charanga, no divino
Na passarela
É o rei da batucada
No baile funk
Ele é o tamborzão
Faz as novinhas
Requebrarem até o chão
No treme terra
O sub grave no comando
Praticumbum prugurundum
Eu não me canso
E quando toca o tambor
É festa, eu canto, eu danço
E quando toca o tambor
Acende a esperança
Empurra o bloco
Empolga a rua é carnaval
Segura a banda
Que a parada é federal
Vem lá do datilo-batuque
Digital
Convocando a massa
Pela rede social
Esquenta a pele
Manda brasa pra valer
É caprichoso, é garantido
Eu quero ver
Sustenta a rima
Dos moleques lá na praça
Que geralmente
Onde tem fogo tem fumaça
Uma onda sonora
Que faz a cabeça
Que corre no sangue
E explode no peito
Causando um efeito
Que mexe com a gente
Que bate contente
Na palma da mão
Vai descendo ate o chão, chão…

RIO 40 GRAUS (CD SLA 2- BE SAMPLE)
Fernanda Abreu / Fausto Fawcett / Laufer

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza e do caos

Capital do sangue quente do Brasil
Capital do sangue quente
Do melhor e do pior do Brasil

Cidade sangue quente
Maravilha mutante

O rio é uma cidade de cidades misturadas
O rio é uma cidade de cidades camufladas
Com governos misturados, camuflados, paralelos
Sorrateiros ocultando comandos

Comando de comando submundo oficial
Comando de comando submundo bandidaço
Comando de comando submundo classe média
Comando de comando submundo camelô
Comando de comando submáfia manicure
Comando de comando submáfia de boate
Comando de comando submundo de madame
Comando de comando submundo da tv
Submendo deputado – submáfia aposentado
Submundo de papai – submáfia da mamãe
Submundo da vovó – submáfia criancinha
Submundo dos filhinhos

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante

Rio 40 graus…

Quem é dono desse beco?
Quem é dono dessa rua?
De quem é esse edifício?
De quem é esse lugar?

É meu esse lugar
Sou carioca, pô
Eu quero meu crachá
Sou carioca

“Canil veterinário é assaltado liberando
Cachorrada doentia
Atropelando na xinxa das esquinas
De macumba violenta
Escopeta de sainha plissada
Na xinxa das esquinas de macumba gigantesca
Escopeta de shortinho de algodão”

Cachorrada doentia do joá
Cachorrada doentia são cristóvão
Cachorrada doentia bonsucesso
Cachorrada doentia madureira
Cachorrada doentia da rocinha
Cachorrada doentia do estácio

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante

Rio 40 graus…

A novidade cultural da garotada
Favelada, suburbana, classe média marginal
É informática metralha
Sub-azul equipadinha com cartucho musical
De batucada digital

Meio batuque inovação de marcação
Pra pagodeira curtição de falação
De batucada com cartucho sub-uzi
De batuque digital, metralhadora musical

De marcação invocação
Pra gritaria de torcida da galera funk
De marcação invocação
Pra gritaria de torcida da galera samba
De marcação invocação
Pra gritaria de torcida da galera tiroteio
De gatilho digital
De sub-uzi equipadinha
Com cartucho musical
De contrabando militar

Da novidade cultural
Da garotada da favelada suburbana
De shortinho e de chinelo
Sem camisa carregando
Sub-uzi e equipadinha
Com cartucho musical
De batucada digital

Na cidade sangue quente
Na cidade maravilha mutante

Rio 40 graus
Cidade maravilha
Purgatório da beleza e do caos

APRESENTAÇÃO DA BANDA
Fernanda Abreu
Citacão: “Dê um role” (Moraes Moreira / Luiz Galvão)
Amor Geral (A)LIVE DVD
2020
Amor Geral (A)LIVE DVD

DEPOIS DE PERCORRER OS PRINCIPAIS PALCOS E FESTIVAIS DO BRASIL, FERNANDA ABREU LANÇA REGISTRO AUDIOVISUAL (DVD) ‘AMOR GERAL | (A)LIVE’, GRAVADO NO IMPERATOR, RIO DE JANEIRO

Num momento onde a pandemia, o isolamento social e as incertezas do futuro tomam conta das nossas vidas, a mensagem registrada em música que abre o disco e show AMOR GERAL ganha um novo significado:

“Toneladas de amor desabam a todo instante neste mundo”


Nos primeiros dias de 2020, quando Fernanda Abreu deu início a pré produção do registro audiovisual do show AMOR GERAL, ela – e ninguém – imaginava o que as semanas seguintes reservavam. Até então, o Coronavírus era um problema da China e países vizinhos. Porém, na mesma velocidade em que a produção da gravação corria, o Coronavírus correu e se tornou uma pandemia. Era impossível imaginar ou ter qualquer dimensão do impacto na vida de TODOS ao redor do mundo. Uma situação inédita na era da tecnologia. Um desafio que ainda atravessamos. Um inimigo invisível, que nos ameaça e afasta socialmente, a ser derrotado.

No dia 13 de março, data marcada para o registro do show, a fila no teatro Imperator já transbordava de fãs e expectativas – expectativa também da artista, músicos, bailarinos e equipe – quando foi decretado o isolamento social na cidade do Rio de Janeiro e, consequentemente, a evacuação das dependências do Centro Cultural João Nogueira (Imperator). A responsabilidade e o carinho que Fernanda Abreu tem com as pessoas que a acompanham, levaram a cantora a tomar a decisão certa: seguir com a gravação e registrar a turnê do show que atravessou inúmeras capitais, interiores, comunidades no Rio e em São Paulo, sendo também destaque em grandes festivais, como o Rock In Rio. O que Fernanda Abreu não esperava é que o formato do registro do show ao vivo, teria que se dar sem platéia! Então diante da circunstância em que foi gravado/filmado o show, Fernanda resolveu batizar o projeto de AMOR GERAL – (A)LIVE. Sim, naquele dia 13/03/2020 estava sendo inaugurada, involuntariamente, a única alternativa de apresentação artística durante a pandemia do Covid19 – as “Lives”, ou seja, apresentações de shows sem a presença do público. Até a finalização deste release, nenhuma vacina para a Covid foi aprovada, o que continua impossibilitndoa a produção de qualquer evento com aglomeração de pessoas.

Diante desse cenário, AMOR GERAL – (A)LIVE, renova com força total o seu propósito: dar voz ao que é urgente e necessário: o AMOR GERAL. E o que cabe neste AMOR GERAL? Cabe a tolerância e o desejo de igualdade social, cabe o amor em todas as suas vertentes e camadas, cabe o amor enquanto bálsamo aos que sentem dor, aos que estão isolados da família, cabe respeito e gratidão aos que estão na linha de frente… O amor como a resposta mais poderosa nesses tempos onde a fragilidade do ser humano é revelada e desafiada. AMOR GERAL – (A)LIVE é um veículo latente que transporta e conecta pessoas através da música e da dança.

\\ UMA ODE AO AMOR E AO SUINGUE

Considerada a mãe do pop dançante brasileiro, Fernanda Abreu apresenta no show AMOR GERAL, e agora nesse registro em DVD, excelente performance vocal e corporal, cantando e dançando, reafirmando o status atemporal de sua obra.

AMOR GERAL – (A)LIVE, Fernanda Abreu apresenta seis músicas do álbum homônimo, alguns hits de sua emblemática discografia, como “Garota Sangue Bom”, “Veneno da Lata”, “Kátia Flávia” e, claro, o hino chapa quente: “Rio 40 Graus”. Direto do lado B, e surpreendendo a todos, Fernanda incluiu neste show a pop-sexy “Bidolibido” e o hino–manifesto pacifista “Eu vou torcer” de Jorge Ben Jor.

Ela só anda bem acompanhada: Fernanda divide o palco com sua banda poderosa, composta por músicos que dispensam apresentações como Tuto Ferraz (bateria e programação eletrônica), André Carneiro (baixo), Fernando Vidal (guitarra) e Thiago Gomes (teclados), e completam o time, Alegria Mattus nos vocais e a bailarina Victórya Devin.

Completando a experiência sonora e visual, Luiz Stein assina a video cenografia que tomou conta de um telão de LED e, junto com a iluminação criada por Carlos Firmino, transformou a apresentação numa experiência avassaladora de som, imagem e dança. O figurino da turnê e deste registro, é uma criação do inventivo Rogério S. Já a coreografia, Fernanda Abreu assina ao lado de Cristina Amadeo. A direção artística é da própria Fernanda – que cuidou de cada detalhe para este registro especial.


‘Dá gosto de ver a inteligência movendo um corpinho como esse’

O refrão de Garota Sangue Bom traduz o que já sabemos: Fernanda Abreu tem sua história musical entrelaçada com a dança.

A dança faz parte da minha vida desde que me entendo por gente. Está no meu DNA. A dança é o meu alicerce, meu porto seguro. É inteligência corporal do gesto mais simples ao mais complexo. A dança é minha companheira mais íntima e minha música é o reflexo do amor e do prazer que sinto em dança.r”

Celebrando esta relação, a cantora trouxe como participações especiais para esse registro em DVD, a premiada companhia de dança contemporânea, Focus Cia de Dança e dois dançarinos do Passinho do Funk, Hiltinho e Neguebites.

A Focus Cia de Dança, dirigida e coreografada por Alex Neoral é sua parceria desde a apresentação que fizeram juntos no Palco Sunset no Rock in Rio de 2017 – destaque para a música ‘Saber Chegar’, quando dois bailarinos se beijam e de bocas que não se desgrudam, exploram o palco numa coreografia impecável.

Reafirmando sua ligação com a dança e sua trajetória musical e reconhecida por unir morro e asfalto – durante os 30 anos de carreira solo, a cantora mantém acesa a chama que a conecta com o Funk Brasil desde 1989, o que deu a Garota Sangue Bom o título de Madrinha do Funk Carioca – Fernanda traz os dançarinos do Passinho: Neguebites (destaque do projeto Heavy Baile) e Hiltinho (que integrou o grupo Dream Team do Passinho). A dupla, que traz a dança de rua e da favela, marcou presença na música “Tambor” e com seu “Passinho Foda” vem ganhando o espaço merecido no Brasil e no mundo numa das muitas vertentes culturais do funk carioca.

Sempre apontando novos caminhos, em AMOR GERAL ao vivo, Fernanda Abreu compõe mais um capítulo da história na sua brilhante e sólida trajetória, mantendo-se fiel e autêntica quando o assunto é inovação musical e suingue, afirmando seu status de eterna Garota Sangue Bom.


AMOR GERAL POR DE QUEM FAZ

PAULO SEVERO
Fernanda foi a primeira a fazer uma Live, formato de show sem público. Chamado por ela para registrar o último show da turnê de Amor Geral (o que coincide com os 30 anos da gravação que fiz do primeiro show dela no Morro da Urca em 1990), fomos surpreendidos, duas horas antes de começar o espetáculo, pelo decreto do governo do Rio de Janeiro que fechou os teatros por causa da pandemia. Ela resolveu manter a apresentação para gravação mesmo sem plateia. O que não fez diferença. Profissionais do gabarito de Fernanda não se abalam com barreira nenhuma. Enfim, 30 anos depois, me vi registrando pela 3° vez um show de Fernanda Abreu e pude, de novo, constatar seu talento e sua capacidade. Ela tira de letra as adversidades. Como a própria Fernanda diz, “essa foi a primeira Live, filhote musical do Coronavírus”. E eu fiz o parto.

CRIS AMADEO
Amor Geral, chegou para mim com uma demanda específica:
“….Cris, quero fazer um show de dança….”
Bom, Fernanda, é dança, no corpo, na alma e no pensamento. Ela não para. Ela tá em movimento o tempo todo. Parar a Fernanda é tarefa inglória. E ela se move com uma harmonia plena, deslumbrante.
Precisávamos de uma Cia. De Dança para o show do Rock in Rio e eu lembrei da Focus Cia de Dança….tem uns encontros que são laços. Assim foi com a Focus.
Assim é meu laço com a Fernanda, são anos de admiração e parceria.
Minha irmã, o Amor é Geral!
( Ah, nem o covid 19 para a Fernanda! Axé!!! )

TUTO FERRAZ
É uma honra e um enorme prazer fazer a direção musical de um DVD como esse, onde o carinho com todas as etapas do processo é o máximo possível! A Fernanda é uma Artista com “A” maiúsculo e tem um carisma incrível dentro e fora do palco! A sua atenção aos detalhes estimulam a gente a fazer o nosso melhor

ALEX NEORAL
Fernanda Abreu preencheu minha adolescência com suas músicas baladas e românticas. Vê-la mover com meus bailarinos é um deleite, pois ali reunimos com beleza o que há de mais potente na música e na dança. Desde o Rock In Rio 2017 tivemos a experiência de dividir o palco com esta múltipla artista e ainda sobra fôlego para muito mais!

NEGUEBITES E HILTINHO – Passinho do Funk
Pra nós estar trabalhando com a Fernanda é a realização de um sonho. Minha mãe é fã da Fernanda e isso já faz desta parceria especial demais. Foi inesquecível tê-la na plateia, me vendo dançar com a artista que ela me ensinou a admirar. E fazer parte desse DVD é muita ‘tiração de onda’. A gente no palco, dançando o passinho raiz, descalços e sem camisa, podendo fazer o que a gente gosta, do jeito que a gente gosta! Tanto a Fernanda quanto a equipe nos tratam muito bem, sou agradecido demais. Pra mim isso tudo é muito foda!

LUIZ STEIN
A concepção do cenário para o DVD AMOR GERAL levou em conta a necessidade de se ter um palco limpo, pois além da Fernanda, que tem uma movimentação corporal grande, tem os músicos, backing vocal, bailarina e a participação da Focus e dos bailarinos do Passinho. A concepção resultou num palco todo preto, com uma passarela branca no centro e uma tela de LED ao fundo transmitindo elementos gráficos vetoriais em animação. Não há utilização de fotos ou videoclipes, como normalmente se vê neste tipo de cenografia, usamos somente os elementos gráficos em conexão com os tempos musicais.

ROGÉRIO S
O figurino da Fernanda mistura referências fetichistas, futuristas e da cultura POP. O material escolhido é o vinyl com proporções e modelagem que evidenciam a presença da pele e acessórios pinçados do street style.
Na banda, incluindo a backing vocal e a bailarina, forte inspiração e apropriação de códigos da alfaiataria masculina para criar os looks. Cartela de cor minimalista com preto + branco e pitadas de vermelho a contemporaneidade dá o tom com um certo perfume de androginia.

FIRMINO:
O conceito de luz para o DVD foi criado com base no rider de luz da turnê AMOR GERAL. Trazendo efeitos e sincronismo musical e luminosidade, com focos individuais e uma base luz para equipe de filmagem.

Amor Geral (A)LIVE DVD
2020
Amor Geral (A)LIVE DVD
2020
Amor Geral (A)LIVE DVD
2020

FICHA TÉCNICA

BANDA

Bateria e Programação Eletrônica TUTO FERRAZ
Baixo ANDRÉ CARNEIRO
Guitarra FERNANDO VIDAL
Teclados THIAGO GOMES
Vocais ALEGRIA MATTUS
Bailarina VICTÓRYA DEVIN

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS

FOCUS CIA DE DANÇA
HILTINHO e NEGUEBITES (PASSINHO DO FUNK)

EQUIPE

Direção Geral FERNANDA ABREU
Assistente de Direção CRISTINA AMADEO
Direção Musical TUTO FERRAZ
Direção de Arte e Cenografia LUIZ STEIN (LSD)
Vídeo-Cenografia LUIZ STEIN e MARCUS PAULISTA
VJ LÊ PANTOJA
Telão de Led 4 EVENTS
Figurinos ROGERIO S
Coreografia FERNANDA ABREU e CRISTINA AMADEO
Iluminação CARLOS FIRMINO
Engenharia de Som RONALDO LIMA ( PA ) e AURÉLIO KAUFFMAN (monitor)
Preparação Vocal FELIPE ABREU
Produção Executiva PATRICIA SILVA
Coordenação de Produção FERNANDA ABREU
Assistente de Gravação ERIK LIMA
Diretor de Palco e Roadies JUNIOR e LANDO
Assessoria de Comunicação THAIS BERNARDINI
Assessoria de Imprensa BEBEL PRATES
Assessoria Mídias Digitais RAFAEL TEX
Cobertura-Redes Sociais LIZANDRA DA SILVA
Capa e Projeto Gráfico LUIZ STEIN DESIGN (LSD) com VICTOR HUGO CECATTO (VHD.COM.BR)
Fotografia ALEXANDRE CALLADINNI
Hostess (convidados) EVANDRO RIUS e LYSIANNE CARNEIRO

EQUIPE FOCUS CIA DE DANÇA

Direção Artística e Coreografia ALEX NEORAL
Direção de Produção TATIANA GARCIAS
Produção Executiva BIA REY
Bailarinos CAROLINA DE SÁ, COSME GREGORY, JOSÉ VILLAÇA, MARCIO JAHÚ, MARINA TEIXEIRA, MONISE MARQUES e ROBERTA BUSSONI

DVD

FILMAGEM

Direção Geral PAULO SEVERO
Direção de Fotografia e Produção WHELBY DIAS

Câmeras MAURICIO SALLES, FERNANDO CUNHA, WAGNER DA SILVA, THIAGO ROSA, FABIO DOS SANTOS E ANDRÉ MARTINS

FINALIZAÇÃO

Direção de Áudio TUTO FERRAZ
Finalização e Vozes FELIPE ABREU e MATIAS CORREA
Edição e Color Grading PAULO SEVERO
Lettering LUIZ STEIN e VICTOR HUGO CECATTO
Mixagem RONALDO LIMA
Masterização CARLOS FREITAS (CLASSIC MASTER)

MINI DOC

Direção BERNARDO PIMENTA e FERNANDA ABREU
Edição BERNARDO PIMENTA
Mixagem TUTO FERRAZ
Color Grading HEBERT MARMO
Produção Geral GAROTA SANGUE BOM
Assistente de Produção THAIS BERNARDINI
Imagens Depoimento Fernanda LIZANDRA DA SILVA e RAFAEL TEX

Imagens Registro Turnê ALEXANDRE CALLADINNI, ANA RITA QUEIROZ, ÂNCORA A2 FILMMAKER, APÉ PRODUÇÕES, ARTHUR FARINON, EQUIPE CIRCO VOADOR, EQUIPE MULTISHOW, EQUIPE ROCK IN RIO, EQUIPE VIVO RIO, HENRIQUE CHENDES, MARCIO WILLY, TOCAVIDEOS, B+CA AGÊNCIA DIGITAL, WFA MUSIC E WIN PRODUTORA e PAULO SEVERO

Agradecimento Especial GABRIELA RUFINO

AGRADECIMENTOS

Paulo Lopez, Igor Lanceiro, Juliana Enriques e toda equipe do Imperator, Alexandra Siqueira, Luiz Oliveira e Glaucio Paiva (SHELL), Paulo Lima, Ana Tranjan e todo o time da Universal Music, Simon Fuller, BKS Áudio, Laredo Áudio, Know How Productions Iluminação, Saures Dancas, Live Áudio e Iluminação (led).

Obrigada ao público que compareceu e que infelizmente não pode entrar no teatro, a todos que participaramda realização desse projeto e ao meu Fã-Clube!

REALIZAÇÃO : GAROTA SANGUE BOM

PATROCÍNIO: SHELL  “O RIO TEM ESSA ENERGIA”

DISTRIBUIÇAO: UNIVERSAL MUSIC

Amor Geral (A)LIVE DVD
2020
Amor Geral (A)LIVE DVD
2020